Home
Em Julho de 1808 as tropas francesas invadiram a cidade de Évora e saquearam grande parte do vasto tesouro de documentos, moedas e medalhas que Fr. Manuel do Cenáculo possuía.
As invasões francesas levaram à perda de parte do espólio que Frei Manuel do Cenáculo reunira para a Biblioteca e Museu Natural. Apesar dos invasores ficarem estupefactos com a quantidade de livros reunidos, o que pretendiam era dinheiro. O facto de não terem encontrado muitas moedas fê-los revoltarem-se e destruírem parte do espólio da Biblioteca e dos produtos naturais do Museu.

Frei Manuel do Cenáculo deixou registo do vandalismo deste saque. O testemunho veio a ser publicado por António Francisco Barata, em 1887. Este também publicou números relativos às baixas e à quantidade de soldados de defesa e ataque na cidade de Évora. Estes dados também se encontram no Diário de Frei Manuel do Cenáculo.

Anúncios
Posted in: Sem categoriaComentários Desativados em Sabia que…