Home


A Casa do Alentejo e a sua revista
Uma exposição documental

Expressão de um impulso associativo visando agregar os alentejanos em Lisboa em torno do desenvolvimento económico, cultural e social do Alentejo, a Casa do Alentejo atravessa quase um século de história portuguesa protagonizando iniciativas e momentos de reflexão e acção regionalista, assistencial, etnológica e cultural.

No património dos seus 85 anos de história, a revista da Casa do Alentejo, cuja publicação se iniciou em 1939 e que ainda hoje se mantém, tem um papel central. (…) A revista foi sempre um fundamental elemento de agregação da diáspora alentejana, veículo de aspirações colectivas, de debate de ideias e projectos. Mas também órgão informativo de proximidade, por assim dizer, onde a pequena nota social podia ter tanto peso como matérias de relevância regional ou nacional.
Na sua quinta edição, o Festival Escrita na Paisagem 2008 realizou uma exposição que disponibiliza espólio documental desta revista publicada desde 1935 pela Casa do Alentejo. E porque se realiza na Sala de Leitura da Biblioteca Pública de Évora, o visitante tem à disposição para consulta os vários volumes desta revista, proporcionando aos interessados o contacto com a visualidade com que ali se elabora a representação do Alentejo.

Etnografia, folclore, cultura, economia, agricultura, assistencialismo, regionalismo são alguns dos grandes temas que o leitor não deixará de encontrar recorrentemente nas páginas da Revista da Casa do Alentejo. O objectivo da exposição documental é evidenciar o valor documental deste órgão de comunicação associativo, sinalizando o que nele mostra um Alentejo de tempos idos e os projectos de um Alentejo que se reclama do futuro.

A exposição, que foi inaugurada no passado dia 10 de Setembro, irá estar patente ao público até 30 do mesmo mês. Neste dia encerrará com um debate aberto ao público sobre revistas e o papel que desempenham. O debate iniciar-se-à pelas 16h na Biblioteca Pública de Évora.

Deixa-se o convite para que venha à Biblioteca, se sente, folheie e leia os sinais dos tempos, da história portuguesa e sinta a presença do Alentejo nela.

http://widget-e8.slide.com/widgets/slideticker.swf

Anúncios